Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/3488
Tipo: doctoralThesis
Título: Foucault além de Nietzsche: da moral como lei e norma à avaliação da moral como ética e estética da existência
Autor(es): Silva, Jason de Lima e
Orientador: Oliveira Junior, Nythamar Hilario Fernandes de
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Filosofia
Fecha de Publicación: 2007
Palabras clave: FILOSOFIA
ESTÉTICA
ÉTICA
FOUCAULT, MICHEL - CRÍTICA E INTERPRETAÇÃO
NIETZSCHE, FRIEDRICH WILHELM - CRÍTICA E INTERPRETAÇÃO
Resumen: Esta tese pretende levantar as seguintes questões: 1. de que modo é possível associar a prática da liberdade, em termos morais, a uma técnica de si, nos termos de uma estética da existência? 2. de que modo é possível reconstituir o sentido de moral atualmente segundo um amor-próprio cujo um conteúdo é dado menos por um isolamento ou negação do outro do que por um trabalho pessoal sobre si mesmo, em vista de um êthos, de uma ética? 3. em que medida o valor da moral hoje em dia pode ser deslocado da lei universal para uma atitude de diferença, da normalidade do comportamento para o cultivo de si e, por fim, da verdade sobre o sujeito (à custa de seu conhecimento) para uma subjetivação ascética que não exige a prerrogativa de uma identidade, mas a transformação de si na relação consigo e com os outros? Tais questões são levantadas a partir de Nietzsche e Foucault. De ambos os pensamentos penso ser possível reconstituir a gênese de um problema, o valor moral, sob o empenho de não confundi-los teoricamente na linearidade de um mesmo projeto. A questão é: em que medida os valores de nossa história moral podem ser reavaliados eticamente por uma estética, ou seja, por técnicas sob cuja exigência é possível se reconhecer e se realizar além das identidades constituídas historicamente, logo, na obra de uma vida em obra, no decorrer da qual a história tanto se inscreve quanto está por ser escrita? Se em Nietzsche a moral é criticada enquanto altruísmo, como fundamento valorativo sobre os demais valores, a genealogia da moral como estética da existência, em Michel Foucault, recupera o valor da relação consigo como prática moral no presente, reflexão da qual pode ser deduzida uma ética como amor-próprio.
This doctoral dissertation intends to rise the following questions: 1. how is it possible to associate the practice of freedom, in moral terms, to oneself’s technique, in the terms of an aesthetics of existence? 2. how is it possible to currently reconstruct the moral sense according to self-esteem whose content is given less by a negation or isolation from the other than by personal work about oneself, with an eye to an êthos, of an ethics? 3. nowadays, can the value of morals be dislocated from the universal law to an attitude of difference, from the normality of the behavior to oneself’s improvement and, at last, from truth about the individual (by means of her knowledge) to an ascetical subjectivation that does not require the prerogative of an identity, but the transformation of the self in relation to itself and to others? Such questions are raised from Nietzsche’s and Foucault’s perspectives. Starting the thought of both philosophers I think it is possible to reconstruct the genesis of a problem, the value of morals, trying vehemently not to mix them up theoretically in the same project. The question is: can the values of our moral history be ethically reevaluated by an aesthetics of existence, that is, by techniques whose demand someone is able to recognize and to fulfill herself in spite of the identities historically constructed, therefore, along a lifetime in progress, in which history inscribes itself as much as it is to be written? lf, in Nietzsche’s thought, morality is criticized qua altruism, as the worthy ground upon all other values, Foucault’s genealogy of morals as aesthetics of existence, recovers the value of the relation to itself as a moral practice, a reflection from which an ethics qua selfesteem can be deduced.
URI: http://hdl.handle.net/10923/3488
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000393495-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,57 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.