Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/5646
Tipo: masterThesis
Título: Conhecimento de professores sobre a Síndrome de Burnout: processo, fatores de risco e consequências
Autor(es): Diehl, Liciane
Orientador: Carlotto, Mary Sandra
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Fecha de Publicación: 2013
Palabras clave: SÍNDROME DE BURNOUT
PROFESSORES - ASPECTOS PSICOLÓGICOS
SAÚDE OCUPACIONAL
TRABALHADORES - ASPECTOS PSICOLÓGICOS
Resumen: The Burnout Syndrome (BS) has been considered one of the most important occupational health problems of psychosocial character in society. Severity among teaching professionals puts the teaching activity as one of the high-risk professions, in view of the individual, institutional and social repercussions. This dissertation consists of two empirical studies of qualitative design and set out to explore the knowledge of teachers about the Burnout Syndrome, as well as understand the factors used to interpret this process. The I study, titled "Burnout Syndrome: indicators for the construction of a diagnosis", aimed at understanding and identify, through detailed and systematic information, within a real life context, the elements that characterize the BS. Still, we tried to check the signs that characterize the process of diagnosis of BS from the categories Illusion at Work, Wear Psychological Indolence and Guilt, dimensions of BS related to the theoretical model proposed by Gil-Hill (2005). The II study," Knowledge about Teacher Burnout Syndrome: process, risk factors and consequences", intended for knowledge about Burnout, its symptoms, its development process, risk factors, consequences and possibilities of intervention and investigated the meaning of teaching from the perspective of the teacher, with participation of six teachers of elementary school. From the first study, it was possible to identify elements that form the four dimensions of the theoretical model and the presence of indicators of profile 1, which, added to the sense of guilt, indicate the presence of indicators that characterize the profile 2, more severe clinical picture Burnout. Effective measures taken by the respondent prevented the occurrence of burnout and quitting the profession. The II study results showed is still incipient their understanding of BS, complicating diagnosis and treatment. Pointed out the need for clarification on the signs and symptoms of BS to the worker, as well as healthcare professionals, to the correct diagnosis. Recommendations are also thinking and planning effective intervention measures especially informative about their risk factors, possible expulsion for treatment and financial compensation.
A Síndrome de Burnout (SB) tem sido considerada um dos agravos ocupacionais de caráter psicossocial mais importantes na sociedade. Sua severidade entre os profissionais de ensino coloca a atividade docente como uma das profissões de alto risco, tendo em vista as repercussões individuais, institucionais e sociais. Esta dissertação constitui-se de dois estudos empíricos de delineamento qualitativo e pretendeu explorar o conhecimento de professores sobre a Síndrome de Burnout, assim como compreender os elementos utilizados para interpretar esse processo. O estudo I, intitulado “Síndrome de Burnout: indicadores para a construção de um diagnóstico”, teve como objetivo compreender e identificar, por meio de informações detalhadas e sistemáticas, dentro de um contexto de vida real, os elementos que caracterizam a SB. Ainda, buscou-se verificar os sinais que caracterizam o processo de diagnóstico da SB a partir das categorias Ilusão pelo Trabalho, Desgaste Psicológico, Indolência e Culpa, dimensões da SB relacionadas ao modelo teórico proposto por Gil-Monte (2005). O estudo II, “Conhecimento de Professores sobre a Síndrome de Burnout: processo, fatores de risco e consequências”, pretendeu verificar o conhecimento sobre Burnout, seus sintomas, seu processo de desenvolvimento, fatores de risco, suas consequências e possibilidades de intervenção, bem como investigou o significado do trabalho docente sob a perspectiva do professor, tendo como participantes seis professoras de ensino fundamental.A partir do primeiro estudo, foi possível identificar elementos que configuram as quatro dimensões do modelo teórico adotado e a presença de indicadores do perfil 1, que, acrescidos do sentimento de culpa, indicam a presença de indicadores que caracterizam o perfil 2, quadro clínico mais severo de Burnout. Medidas efetivas adotadas pela entrevistada impediram a ocorrência do Burnout e desistência da profissão. Os resultados do estudo II apontaram ser ainda incipiente a sua compreensão da SB, dificultando o diagnóstico e adequado tratamento. Aponta-se a necessidade de esclarecimento sobre os sintomas e sinais da SB ao trabalhador, assim como aos profissionais de saúde, para seu correto diagnóstico. Orienta-se também pensar e planejar medidas de intervenção eficazes principalmente informativas sobre seus fatores de risco, possibilidades de afastamento para tratamento e compensação financeira.
URI: http://hdl.handle.net/10923/5646
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000453496-Texto+Parcial-0.pdfTexto Parcial405,32 kBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.