Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/971
Tipo: article
Título: Avaliação in vitro da resistência de união de sistemas adesivos autocondicionantes à dentina de dentes decíduos
In vitro bond strength of self-etch adhesive systems to primary tooth dentin
Autor(es): Beneditto, Marcela Juliana
Stona, Priscila
Spohr, Ana Maria
Weber, João Batista Blessmann
Editora: Universidade Estadual da Paraíba
Data de Publicação: 2010
Volume: 10
Número: 3
Página Inicial: 377
Página Final: 383
Palavras-chave: MATERIAIS DENTÁRIOS
ADESIVOS DENTINÁRIOS
RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO
DENTE DECÍDUO
ODONTOPEDIATRIA
ODONTOLOGIA
Resumo: Objetivo: Avaliar a resistência de união de sistemas adesivos autocondicionantes à superfície dentinária em molares decíduos. Método: Foram utilizadas 40 superfícies dentinárias distribuídas em quatro grupos (n=10/grupo), de acordo com o material utilizado: G1 (grupo controle)=Adper Single Bond (3M/ESPE), G2=Self-Etch (Vigodent), G3=AdheSE (Ivoclar/Vivadent) e G4=Futurabond NR Single Dose (Voco). Os sistemas adesivos foram utilizados de acordo com as instruções de cada fabricante e, após, foram confeccionados cilindros de resina composta Filtek Z250 (3M/ESPE) sobre as camadas adesivas. Cada corpo de prova foi submetido ao teste de resistência de união ao cisalhamento em máquina de ensaio universal (EMIC DL-2000) com velocidade de 0,5mm/minuto. Os dados foram obtidos em Mpa e submetidos aos testes estatísticos Kolmogorov-Smirnov, ANOVA e Tukey com nível de significância de 5%. Resultados: O grupo AdheSE apresentou média de força máxima de ruptura significativamente superior aos outros grupos (9,25 Mpa). Os grupos Single Bond(6,25 Mpa) e Self-Etch (4,14Mpa) não diferiram significativamente entre si. O grupo Futurabond NR Single Dose (3,46Mpa) apresentou menor média de força máxima de ruptura diferindo significativamente do AdheSE e do Single Bond. Conclusão: O AdheSE pode ser bem empregado na clínica odontopediátrica pois apresentou valores mais altos de resistência de união ao cisalhamento, seguido do Adper Single Bond 2 e do Self-Etch Vigodent. O Futurabond NR Single Dose apresentou valores de resistência de união à dentina muito baixos para afirmarmos que seria adequado para o uso clínico em dentes decíduos.
Objective: To evaluate the bond strength of self-etch adhesive systems to the dentin of primary molars. Method: Forty dentin surfaces were distributed into 4 groups (n=10/group), according to the material used: G1 (control group)=Adper Single Bond (3M/ESPE), G2=Self-Etch (Vigodent), G3=AdheSE (Ivoclar/Vivadent) and G4=Futurabond NR Single Dose (Voco). The adhesive systems were used according the manufacturers’ instructions and then composite resin (Filtek Z250; 3M/ESPE) cylinders were built onto the adhesive layer. Each specimen was tested in shear strength in a universal testing machine (EMIC DL-2000) at a crosshead speed of 0.5 mm/ min. Data (in MPa) were analyzed statistically by Kolmogorov-Smirnov, ANOVA and Tukey`s tests at 5% significance level. Results: The group AdheSE presented significantly higher mean bond strength (9.25 MPa) than the other groups. The groups Single Bond (6.25 Mpa) and Self-Etch (4.14 Mpa) did not differ significantly from each other. The group Futurabond NR Single Dose presented significantly lower mean bond strength (3.46 Mpa) than those of the groups AdheSE and Single Bond. Conclusion: AdheSE may be used in the pediatric clinic because it presented the highest shear bond strength values, followed by Adper Single Bond 2 and Self-Etch Vigodent. Futurabond NR Single Dose presented too low shear bond strength to dentin to validate its indication for clinical use in primary teeth.
URI: http://hdl.handle.net/10923/971
DOI: 10.4034/1519.0501.2010.0103.0008
ISSN: 1519-0501
Aparece nas Coleções:Artigo de Periódico

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Resistência de união de sistemas autocondicionantes em dentes decíduos.pdfTexto Completo343,85 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.