Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/1034
Tipo: masterThesis
Título: Efeitos locais e sistêmicos da LLLT no reparo ósseo inicial de áreas com parafuso PLLA-PGA : estudo em coelhos
Autor(es): Coelho, Rodrigo Carvalho Pinto
Orientador: Weber, João Batista Blessmann
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Odontologia
Data de Publicação: 2012
Palavras-chave: ODONTOLOGIA
LASER - ODONTOLOGIA
REPARAÇÃO ÓSSEA (ODONTOLOGIA)
LASER DE BAIXA INTENSIDADE
COELHOS - EXPERIÊNCIAS
Resumo: A presente pesquisa avaliou os efeitos locais e sistêmicos da LLLT no processo inicial de reparo ósseo, após a implantação de um parafuso PLLA-PGA em tíbias de 24 coelhos linhagem Nova Zelândia. A amostra foi dividida aleatoriamente em 2 grupos, experimental e controle. Em cada animal, foi implantado 1 parafuso PLLA-PGA de 5mm de comprimento por 1,5mm de diâmetro em cada tíbia, direita e esquerda. No grupo experimental, os coelhos receberam aplicações de laser infravermelho (830nm; 4J/cm2; 100mW; 40,4 segundos), apenas na pata direita, no pós-operatório imediato e a cada 48 horas, até o máximo de 7 aplicações. O grupo controle não foi irradiado. Ambos foram divididos em 3 subgrupos, de acordo com o tempo de observação de 5, 15 e 30 dias, após o qual os animais foram mortos e submetidos à análise histológica para avaliação do grau de formação óssea perimplantar. Esta foi mensurada pelo número de campos de aumento de 200 vezes, ao microscópio ótico, que apresentavam osso neoformado perimplantar. Foram comparados os resultados entre as patas direita do grupo experimental, esquerda do grupo experimental e ambas as patas do grupo controle, ao longo dos 3 períodos de observação. Os resultados da análise quantitativa demonstraram que houve uma maior formação óssea inicial nas patas direita e esquerda do grupo experimental, quando comparadas às amostras do grupo controle, no período de 5 dias. A análise descritiva mostrou que as trabéculas dos animais irradiados, em 5 dias, apresentavam-se ligeiramente maiores e com maior distribuição. Nos demais intervalos, não houve diferenças estatisticamente significativas. A LLLT, nos padrões utilizados, acelerou a formação óssea precoce no intervalo de 5 dias.
This study evaluated the local and systemic effects of LLLT in the initial process of bone repair after implantation of a PLLA-PGA screw in tibia of 24 New Zealand white rabbits. The sample was randomly divided into two groups, experimental and control. A PLLA-PGA screw was implanted in each tibia. In the experimental group, rabbits received applications of infrared laser (830nm, 4J/cm2, 100mW, 40.4 sec), only in the right tibia, in the immediate postoperative period and every 48 hours up to a maximum of 7 applications. The control group was not irradiated. Both were divided into 3 subgroups according to the observation time of 5, 15 and 30 days, after which the animals were killed. A histological analysis was performed to assess the degree of peri-implant bone formation, using a quantitative parameter and qualitative analysis. We compared the results between the right and the left tibia of the experimental group and both tibias of the control group over the three observation periods. The results of quantitative analysis showed greater initial bone formation in both tibias of the experimental group compared to the control group, in 5 days. The descriptive analysis showed that the newly formed trabeculae of the irradiated bones were slightly larger and thicker, in 5 days. In the other intervals, there were no statistically significant differences. The LLLT accelerated bone formation in 5 days, exerting both local and systemic effects.
URI: http://hdl.handle.net/10923/1034
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
438469.pdfTexto Completo2,22 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.