Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/10950
Tipo: masterThesis
Título: Mapeamento do patrimônio arqueológico do Rio Grande do Sul: um ponto, uma linha e um horizonte
Autor(es): Melchiades, Carlos Eduardo Ferreira
Orientador: Hilbert, Klaus
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em História
Data de Publicação: 2017
Palavras-chave: SÍTIOS ARQUEOLÓGICOS - BRASIL
ARQUEOLOGIA
GEOPROCESSAMENTO
Resumo: A necessidade de criar padrões e de organizar informações sistematicamente é inerente ao ser humano dito moderno. Existe uma demanda crescente de criar categorias e buscar se enquadrar em alguma delas, sobretudo em uma sociedade pluricultural como a nossa. Esta dissertação se propõe a construir um ponto de partida para sistematização de informações referentes aos Sítios Arqueológicos do Rio Grande do Sul. Através de um diagnóstico realizado no banco de dados do IPHANRS, pretende-se realizar estudos comparativos e sobrepor informações de maneira a visualizar o mapa do Estado sob diversas perspectivas. Sítios arqueológicos não são apenas pontos coloridos em um mapa. São sistemas culturais que extrapolam a compreensão básica que resumiria em poucas linhas sua complexidade. A construção de mapas considerando as Tradições Arqueológicas e relacionando essas informações com dados como pesquisador responsável e ano de realização da pesquisa proporciona um modo de enxergar a dispersão desses Sítios Arqueológicos de maneira única. A principal finalidade desta pesquisa seria, então, executar um diagnóstico que possibilitasse a identificação das informações relativas à precisão da localização dos sítios arqueológicos registrados no banco de dados do IPHAN-RS. Neste trabalho procura-se explorar possibilidades de usos de informações diversas e relacioná-las, sempre na busca de expandir o saber arqueológico.
The need to create standards and systematically organize information is inherent to the so-called modern human being. There is a growing demand to create categories and seek to fit into some of them, especially in a multicultural society such as ours. This dissertation proposes to build a starting point for the systematization of information about the Archaeological Sites from the state of Rio Grande do Sul. Through a diagnosis made in PHAN-RS’s database, it was possible to carry out comparative studies and overlap information in order to visualize the state map from different perspectives. Archaeological sites are not just colorful dots on a map. They are cultural systems that extrapolate the basic understanding which would sum up its complexity. The construction of maps considering the Archaeological Traditions and relating this information with data such as responsible researcher and year of the research provides a way to see the dispersion of these Archaeological Sites in a unique way. The main purpose of this research would be, therefore, to carry out a diagnosis that would enable the identification of the information related to the accuracy of the location of the archaeological sites registered in the IPHAN-RS database. In this work, we try to explore possibilities of using several information and to relate them, always in the pursuit of expanding the archaeological knowledge.
URI: http://hdl.handle.net/10923/10950
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000487106-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo9,27 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.