Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/4141
Tipo: masterThesis
Título: O coelho da cartola: análise argumentativa da linguagem jurídica em textos ficcionais sob a ótica da teoria da relevância
Autor(es): Ramos, Edivania da Costa
Orientador: Ibaños, Ana Maria Tramunt
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Letras
Data de Publicação: 2010
Palavras-chave: LINGUÍSTICA
TEORIA DA RELEVÂNCIA (LINGUÍSTICA)
REDAÇÃO FORENSE - ANÁLISE LINGUÍSTICA
ARGUMENTAÇÃO
INFERÊNCIA
ANÁLISE DO DISCURSO
Resumo: The following study has as objective to apply the cognitive and communicative principles of the Relevance Theory (RT), by Dan Sperber and Deirdre Wilson (1986,1995) to the analysis of argumentative texts belonging to the juridical environment. The cognitive principle implies that, by making a set stimulus, the person that communicates makes clear to the listener what he intends to leave ad manifest, or more manifest, a series of assumptions – his intention to inform and achieve cognitive effects. The communicative principle comprehends the notion that every communicative act communicates the presumption of its optimal relevancy. In this research, in which the analysis are based in a theoretical construct of the Relevance Theory, the emphasis will be the complex relations that surround the jurors verdict in a trial session, and the object of study are the inferences built through the closing speech of defense lawyers and prosecution; to illustrate the process to the defense of a cause in the English Language, four fictional trials were collected – taken from episodes of a North-American television series – and analyzed in their argumentative effectiveness under the optics of RT. The juridical language (specific of lawyers in court) and its peculiarities are also target of a brief description. Essentially, the intention is to demonstrate the way the lawyers build their defense of a cause and which the relation between the cost of processing-cognitive benefit underlies the adhesion of the juror to the determined thesis. According to the Relevance Theory, in a communicative process, the intention of changing the cognitive environment of the interlocutor is present, and, in the case of the argumentative texts used on jury courts, it also is, because, through ostensive stimulus, the lawyers argument to persuade the jury and stimulate it to decide according the point of view defended. Furthermore, the persuasive speech modifies in a certain way the life of the subject, since it allows him to build interferences that reinforce or cancel the set of beliefs, processes which were both confirmed by the analysis made.
O presente estudo tem por intuito aplicar os princípios cognitivos e comunicativos da Teoria da Relevância (TR), de Dan Sperber e Deirdre Wilson (1986,1995) à análise de textos argumentativos pertencentes ao ambiente jurídico. O princípio cognitivo implica que, ao produzir um enunciado-estímulo, a pessoa que comunica deixa claro para seu ouvinte que ele pretende deixar manifesto, ou mais manifesto, um conjunto de suposições – sua intenção de informar e de alcançar efeitos cognitivos. O princípio comunicativo compreende a noção de que todo ato comunicativo comunica a presunção de sua relevância ótima. Nesta pesquisa, cujas análises fundamentamse no construto teórico da Teoria da Relevância, a ênfase será dada às relações complexas que envolvem o veredicto dos jurados em uma sessão de julgamento, e o objeto de estudo são inferências construídas a partir da fala de encerramento dos advogados de defesa e acusação; a título de ilustração desse processo para defesa de uma causa em Língua Inglesa, foram coletados quatro julgamentos ficcionais – retirados de episódios de uma série televisiva norteamericana - e analisados em sua eficácia argumentativa sob a ótica da TR.A linguagem jurídica (específica dos advogados em tribunais) e suas peculiaridades também é alvo de breve descrição. Essencialmente, pretende-se demonstrar de que forma os advogados constroem a defesa de uma causa e qual a relação entre custo de processamento-benefício cognitivo subjaz a adesão dos jurados à determinada tese. Conforme a Teoria da Relevância, num processo comunicativo, tem-se a intenção de alterar o ambiente cognitivo do interlocutor, e, no caso dos textos argumentativos usados nos tribunais de júri, isso também ocorre, porque, a partir dos estímulos ostensivos, os advogados argumentam para persuadir o júri e estimulá-lo a decidir conforme o ponto de vista que defendem. Ademais, o discurso persuasivo modifica de certa forma a vida do indivíduo, pois lhe permite construir inferências que reforçam ou anulam seu conjunto de crenças, processos esses que foram confirmados pelas análises feitas.
URI: http://hdl.handle.net/10923/4141
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000421885-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo468,47 kBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.