Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/6746
Tipo: masterThesis
Título: Avaliação do conhecimento sobre asma em docentes de cursos de graduação relacionados à saúde
Autor(es): Cidade, Simone Falcão
Orientador: Pitrez, Paulo Márcio Condessa
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde
Data de Publicação: 2014
Palavras-chave: MEDICINA
EDUCAÇÃO
ASMA
CONHECIMENTO
Resumo: Introduction: Asthma is a chronic disease with high prevalence worldwide, especially in the last two decades. For an effective self-management of the disease, management of disease should be approached in different ways. Asthma education is one of the outcomes that should be applied to self-management in order to increase adherence to treatment, and thus control the disease. Objective: To identify the major studies on asthma education intervention, describing their results to discuss its importance in the treatment and control of disease, and to validate to Portuguese a questionnaire of knowledge of asthma. Methods: Two articles were written: a systematic review to identify the major studies that have applied measures (objective and/or subjective) pre and post intervention for asthma education; and the translation, and cross-cultural and linguistic validation of a questionnaire on knowledge of asthma (NAKQ) for Portuguese - BR. For this article article, we applied the logic search in PubMed, Lilacs, Scopus, ScienceDirect and Cochrane databases. Articles were included after complete description of the applicability of the measures, their answers and conclusions for the outcome in asthma education programs for children and adolescents. For the original study, 2 translations of NAKQ into Portuguese were performed. These two versions were compared for a first draft version. Then, we proceeded to the application of 17 questionnaires to academics and health professionals, for possible adjustments in language translation. Internal validation, reproducibility and concordance analysis was performed. For that, Alpha Cronbach (αC) coefficient, test and retest, and Kappa (K) analysis was applied. Results: Twelve studies were included in the article review. Different authors have presented different educational interventions on asthma. Four of the interventions found were considered the most advisable for presenting satisfactory results in an enhanced understanding of the various aspects of asthma (symptoms, seizures, medication, etc. ). Contributing pair disease control and improved quality of life for patients. For translation and validation of the Newcastle Asthma Knowledge Questionnaire (NAKQ), 2 translations into Portuguese NAKQ were performed. After, both translations were compared to that draft a preliminary version. We then removed the application from 17 questionnaires to academics and health professionals for possible adjustments in language translation. Then, the internal validation of reproducibility and compliance were performed. For this, the coefficient αCronback(αC), test and re- test, and analysis of Kappa (K) were applied. Results: The linguistic / cultural fit fitness needed only the question number 2 knowledge evaluation of the 78 participants was 21 points. The medical group had an average of 22. 94 and other health professionals an average of 19. 06 points. Regarding the analysis of internal consistency for the total score, the instrument got value αC equal to 68. 8 points. However, for the analysis items in αC values were 64. 4 and 70. 7 for minimum score. Conclusions: Asthma education is essential both for the access of home care as for effective self-control of the disease. Therefore, it is strongly recommended that in order to achieve the goals of the best possible quality of life and self-control of the disease are achieved, the educational process should be individualized, continuous, progressive, dynamic and sequential. NAKQ questionnaire validated for Portuguese was effective for the highest distinction between people who have knowledge about asthma from those with less knowledge.
Introdução: a asma é uma doença crônica com elevada prevalência no mundo todo, principalmente nas últimas duas décadas. Para que haja uma autogestão efetiva da doença, o manejo deve ser abordado de várias formas. A educação em asma é um dos aspectos que deve ser aplicado na autogestão, objetivando aumentar a adesão ao tratamento e controle da doença. Objetivos: identificar os principais estudos sobre intervenção de educação em asma, descrevendo seus resultados para discutir sua importância no tratamento e controle da doença, e validar para a língua Portuguesa um questionário sobre conhecimento de asma.Métodos: foram realizados dois artigos nesta dissertação: uma revisão sistemática para identificar os principais estudos que aplicaram medidas (objetivas e/ou subjetivas) pré e pós-intervenção de educação em asma, e a tradução e validação linguística e transcultural do questionário sobre conhecimento de asma (NAKQ) para a língua portuguesa-BR. Para o artigo de revisão, aplicou-se a lógica de pesquisa nas bases de dados PubMed, Lilacs, Scopus, ScienceDirect e Cochrane. Os artigos foram incluídos mediante descrição completa da aplicabilidade das medidas, suas respostas e conclusões para o desfecho em programas de educação em asma para crianças e adolescentes. Para a tradução e validação do questionário Newcastle Asthma Knowledge Questionnaire (NAKQ), foram realizadas 2 traduções do NAKQ para a língua portuguesa. Após, foram comparadas ambas as traduções a fim de que se elaborasse uma versão preliminar. Procedeu-se então a aplicação de 17 questionários a acadêmicos e profissionais em saúde para possíveis ajustes na tradução linguística. Em seguida, foram realizadas as validações interna, de reprodutividade e de concordância. Para isto, foram aplicados o coeficiente de Alfa de Cronbach (αC), teste e re-teste, e análise de Kappa (K).Resultados: doze pesquisas foram incluídas nesta revisão. Os diferentes autores apresentaram diferentes intervenções educativas em asma. Das intervenções encontradas, quatro foram consideradas as mais aconselháveis por apresentarem resultados satisfatórios em relação à melhor compreensão dos diversos aspectos da asma (sintomas, crises, medicação, etc. ) o que contribuiu para o controle da doença e a melhora na qualidade de vida dos pacientes. No artigo original, a adequação linguística/cultural do NAKQ necessitou adequação somente da questão número 2. A avaliação do conhecimento dos 78 participantes foi de 21 pontos. O grupo de médicos obteve média de 22,94 e o de outros profissionais da saúde uma média de 19,06 pontos. Em relação à análise de consistência interna para o escore total, o instrumento obteve valor de αC igual a 68,8 pontos. Já para a análise por itens, os valores de αC foram de 64,4 para pontuação mínima, e 70,7.Conclusões: a educação em asma é fundamental tanto para a adesão do cuidado domiciliar quanto para o autocontrole eficaz da doença, por essa razão recomenda-se fortemente que, a fim de sejam alcançados os objetivos de atingir a melhor qualidade possível de vida e o autocontrole da doença, o processo educativo que deve ser individualizado, contínuo, progressivo, dinâmico e sequencial. O questionário NAKQ, validado em língua Portuguesa, mostrou-se eficaz para a distinção entre as pessoas que têm conhecimento mais elevado sobre asma daquelas com conhecimento menos elevado.
URI: http://hdl.handle.net/10923/6746
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000460009-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,28 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.