Utilize este identificador para citar ou criar um atalho para este documento: http://hdl.handle.net/10923/8446
Tipo: doctoralThesis
Título: O planejamento da região metropolitana de Porto Alegre/RS a partir da cooperação técnica entre o Brasil e a república federal da Alemanha (1963-1978)
Autor(es): Viegas, Danielle Heberle
Orientador: Monteiro, Charles
Editora: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em História
Data de Publicação: 2016
Palavras-chave: PORTO ALEGRE (RS) - HISTÓRIA
PLANEJAMENTO URBANO - PORTO ALEGRE (RS)
RELAÇÕES INTERNACIONAIS - BRASIL
REGIÕES METROPOLITANAS
HISTÓRIA
Resumo: The creation of the metropolitan areas in Brazil was mainly linked to the time frame set by the Military Dictatorship (1964-1985). One of the key State strategies of action at the time was the growth of the urban planning scope through technical and technological promotion, made possible via international cooperation. Regarding such considerations, this thesis presents the history of the Porto Alegre/RS Metropolitan Area, whose planning was conceived through the Technical Cooperation Deal between Brazil and the German Federal Republic/GFR. The specificities that the international technical cooperation brought to the making of the Metropolitan Development Plan have been analyzed, reaching the aims of identifying the institutions, agents and motivations within Brazil and the GFR, between 1963 and 1978. To this end, unpublished correspondences found in the Ministry of Foreign Affairs of both countries, plans adopted in universities, agencies and companies, Brazilian and German, were considered, besides oral accounts by some of the experts who acted in the project. The main hypothesis suggested regards the generation of a transnational sphere of knowledge sharing which peaked in the flexibilization of notions such as welfare state and underdevelopment, which provided guidelines for the cooperation acts in a post-war world. In this regard, it was discerned the extent of which the circulation of ideas about urban planning in the ‘thrid world’ was subject to adaptation and ruptures when linked to the authoritarian and developmental Brazilian project.
A criação das regiões metropolitanas no Brasil esteve especialmente associada ao quadro temporal delimitado pela Ditadura Militar (1964-1985). Uma das principais estratégias de ação do Estado à época foi o incremento do campo do planejamento urbano através da promoção técnica e tecnológica, atendida por meio da cooperação internacional. Tendo em vista tais considerações, esta tese apresenta a história da Região Metropolitana de Porto Alegre/RS, cujo planejamento foi concebido a partir do Acordo de Cooperação Técnica entre o Brasil e a República Federal da Alemanha/RFA. Analisou-se as especificidades que a cooperação técnica internacional conferiu à elaboração do Plano de Desenvolvimento Metropolitano, cumprindo os objetivos de identificar as instituições, os agentes e as motivações por parte do Brasil e da RFA, entre 1963 e 1978. Para isso, foram cotejadas correspondências inéditas oriundas dos Ministérios das Relações Exteriores de ambos os países, projetos realizados em universidades, agências e empresas brasileiras e alemãs, além de depoimentos orais de alguns dos experts que atuaram no projeto. A hipótese basilar lançada diz respeito à geração de uma esfera transnacional de compartilhamento de saberes que culminou na flexibilização de noções como as de assistencialismo e subdesenvolvimento, que pautaram os atos de cooperação no mundo Pós-Guerra. Nesse sentido, vislumbrou-se em que medida a circulação de ideias sobre o planejamento urbano no “terceiro mundo” sofreu assentamentos e rupturas quando associada ao projeto autoritário e desenvolvimentista brasileiro.
URI: http://hdl.handle.net/10923/8446
Aparece nas Coleções:Dissertação e Tese

Arquivos neste item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
000478962-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo3,5 MBAdobe PDFAbrir
Exibir


Todos os itens no Repositório da PUCRS estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, e estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional. Saiba mais.