Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/9490
Tipo: doctoralThesis
Título: A lightweight virtualization layer with hardware-assistance for embedded systems
Autor(es): Moratelli, Carlos Roberto
Orientador: Hessel, Fabiano Passuelo
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação
Fecha de Publicación: 2016
Palabras clave: SISTEMAS EMBARCADOS (COMPUTADORES)
REALIDADE VIRTUAL
PROCESSAMENTO EM TEMPO REAL
INFORMÁTICA
Resumen: The current processing power of modern embedded systems enable the adoption of virtualization techniques. In addition to the direct relationship with cost reduction and better resource utilization, virtualization permits the integration of real-time operating systems (RTOS) and general-purpose operating systems (GPOS) on the same hardware system. The resulting system may inherit deterministic time response from the RTOS and a large software base from the GPOS. However, the hypervisor must be carefully designed. Due to the complexity of developing a virtualization layer designed specially for embedded systems from scratch, many authors have proposed modifications of the widely used server virtualization software to better adapt it to the particular needs of embedded system. However, footprint and temporal requisites of some embedded devices require different approaches than those used in server farms. Also, currently virtualization is being adapted for the field of the Internet of Things (IoT), which has increased the challenge for more efficient hypervisors. Thus, a generation of hypervisors focused on the needs of embedded systems have emerged. This dissertation investigated how embedded virtualization can be improved, starting from the current stage of its development. As a result, it is proposed a virtualization model to aggregate different aspects required by embedded systems. The model combines full and para-virtualization in a hybrid virtualization layer. In addition, it explores the newer features of embedded processors that have recently adopted hardware-assisted virtualization. A hypervisor implementation based on this model is presented and evaluated. The results show that the implemented hypervisor has memory requirements compatible with devices designed for IoT. Moreover, general-purpose operating systems and real-time tasks can be combined while keeping them temporally isolated. Finally, the overall virtualization overhead is for most part lower than in other embedded hypervisors.
O poder de processamento presente nos sistemas embarcados modernos permite a adoção de técnicas de virtualização. Juntamente com os ganhos em redução de custo e melhor utilização dos recursos, como por exemplo uma melhor utilização do processador, a virtualização possibilita a co-execução de diferentes sistemas operacionais em um processador, sejam eles sistemas operacionais de tempo real (RTOS) e/ou de propósito geral (GPOS). A implementação da técnica de virtualização esta baseada em um módulo de software denominado hypervisor. Devido a complexidade de se desenvolver uma nova camada de virtualização especialmente projetada para sistemas embarcados, muitos autores propuseram modificações em sistemas de virtualização que são largamente empregados em servidores na nuvem para melhor adapta-los às necessidades dos sistemas embarcados. Contudo, a utilização de memória e os requisitos temporais de alguns dispositivos embarcados requerem abordagens diferentes daquelas utilizadas em servidores. Além disso, a atual tendência de utilização de virtualização nos dispositivos projetados para a internet das coisas (do inglês Internet of Things - IoT) aumentou o desafio por hypervisors mais eficientes, em termos de memória e processamento. Estes fatores motivaram o surgimento de diversos hypervisors especialmente projetados para atender os requisitos dos atuais sistemas embarcados. Nesta tese, investigou-se como a virtualização embarcada pode ser melhorada a partir de seu estado atual de desenvolvimento para atender as necessidades dos sistemas embarcados atuais. Como resultado, propõe-se um modelo de virtualização capaz de agregar os diferentes aspectos exigidos pelos sistemas embarcados. O modelo combina virtualização completa e para-virtualização em uma camada de virtualização híbrida, além da utilização de virtualização assistida por hardware. Uma implementação baseada neste modelo é apresentada e avaliada. Os resultados mostram que o hypervisor resultante possui requisitos de memória compatíveis com os dipositivos projetados para IoT. Ainda, GPOSs and RTOS podem ser executados mantendo-se o isolamento temporal entre eles e com o baixo impacto no desempenho.
URI: http://hdl.handle.net/10923/9490
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000481563-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo3,5 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.