Por favor, use este identificador para citar o enlazar este ítem: http://hdl.handle.net/10923/2655
Tipo: masterThesis
Título: Estrutura produtiva e crescimento econômico nas regiões do Rio Grande do Sul, 1996-2005
Autor(es): Valentini, Paulo Juliano Zanin
Orientador: Fochezatto, Adelar
Editor: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Programa: Programa de Pós-Graduação em Economia do Desenvolvimento
Fecha de Publicación: 2008
Palabras clave: DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO
DESENVOLVIMENTO REGIONAL - RIO GRANDE DO SUL
ECONOMIA - RIO GRANDE DO SUL
INDÚSTRIA - RIO GRANDE DO SUL
EMPREGOS - RIO GRANDE DO SUL
Resumen: Este trabalho tem a finalidade de investigar a relação entre estrutura econômica local e o crescimento relativo do emprego industrial, buscando avaliar a existência, a natureza e a magnitude das externalidades locais. A dimensão geográfica da análise está baseada na regionalização do estado do Rio Grande do Sul composta por 24 Coredes. O estudo utiliza dados de emprego formal para um conjunto selecionado de nove setores da indústria e sua fonte principal é a Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), entre os anos de 1995 e 2005. Assim são realizadas regressões individuais, por setor de atividade, em que as variáveis explicativas são os indicadores de especialização e diversidade setorial local, competição, tamanho médio das firmas e densidade total do emprego, e a variável endógena é o crescimento relativo do emprego local. As estimações utilizam dados em painel estático, de efeitos fixos, permitindo captar possíveis diferenças regionais invariantes no tempo. Os resultados apontam para a existência das externalidades locais, o que indica que e a estrutura econômica afeta significativamente o crescimento relativo do emprego, porém de maneiras distintas entre os setores.
This dissertation provides an exam on the relation between local industrial structure and relative growth performance, attempting to identify the existence, the nature, and the extent of local externalities. The geographic dimension is based on 24 Coredes region units of Rio Grande do Sul state. The study uses a dataset mainly from Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), which includes employment level information of nine industrial sectors, between 1995 and 2005. Regressions are computed on each sector separately. Local employment growth by sector is regressed on five explanatory variables corresponding to specialization, diversity, competition, average size of plants, and total employment density. The study makes use of static panel data, with fixed effects methodology, allowing capturing the time invariant regional differences. The results show that the local economic structure significantly affects local employment growth, but in different ways across sectors.
URI: http://hdl.handle.net/10923/2655
Aparece en las colecciones:Dissertação e Tese

Ficheros en este ítem:
Fichero Descripción TamañoFormato 
000406500-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo1,05 MBAdobe PDFAbrir
Ver


Todos los ítems en el Repositorio de la PUCRS están protegidos por derechos de autor, con todos los derechos reservados, y están bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial 4.0 Internacional. Sepa más.