Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10923/7239
Type: masterThesis
Title: Preocupação com a privacidade na internet: uma pesquisa exploratória no cenário brasileiro
Author(s): Silva, Vergilio Ricardo Britto da
Advisor: Luciano, Edimara Mezzomo
Publisher: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Graduate Program: Programa de Pós-Graduação em Administração e Negócios
Issue Date: 2015
Keywords: INTERNET - CRIMES
DIREITO À PRIVACIDADE
SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO
LEGISLAÇÃO
Abstract: The Internet Privacy Concern - IPC is a study area that is receiving more attention nowadays due to the extensive amount of personal information being transferred through the Internet. The constant scandals of privacy invasion and espionage involving heads of state have brought more evidence for this discussion. This research addresses the topic Information Security, focusing on Internet Privacy Concern. The growth of Information and Communication Technologies usage has generated challenges for fundamental rights, namely: the right to privacy, freedom of expression and freedom of association. The large amount of personal information that is daily published on the Internet endanger those rights. Ensuring privacy on the Internet does not depend on exclusively protection technologies, but mainly of user awareness about the importance of understanding the risks they are exposing themselves and knowing the consequences of these risks. The aim of this research was to identify the degree of concern about the privacy among Internet users in Brazil, related to Data Collection, Secondary Use, Errors, Improper access, Control over The Information, Awareness, Trust and Risk, and to identify which piece of information users notice as more sensitive in relation to privacy. This research is based on theoretical studies on Privacy on the Internet, Privacy Concern and User Behavior, showing the evolution of Concern construct wi th the Privacy and indicate how users deal with their privacy. The data collection instrument employed in this study originated in the study of Smith et al. (1996), and has been improved by several studies up to the final version of Hong and Thong (2013). A descriptive exploratory survey was conducted aiming to identify opinions that are being manifested in the target population of this study, which are Internet users in Brazil that according to the IBGE survey (2013), totaled 77,7 million users. Data were collected in the five regions of the country, summing up 1,104 completed questionnaires. The results indicate a high degree of concern for the privacy of Internet users in Brazil, mainly in the South and South-East regions, which showed the highest concernment indexes. Among the information identified as sensitive are, in order of greatest concern, passwords, credit card number, checking account number and agency, bank balance, spending on credit card and overdraft limit. Among the less sensitive informa tion is sexual orientation, addictions, school where they have studied, date of birth and school grades.
A preocupação com a privacidade na Internet (Internet Privacy Concern - IPC) é uma área de estudo que está recebendo maior atenção recentemente devido à enorme quantidade de informações pessoais que trafegam na Internet. Os constantes escândalos de invasão de privacidade e espionagem envolvendo Chefes de Estado trouxeram maior evidência para o assunto. Esta pesquisa aborda o tema Segurança da Informação, com foco na Preocupação com a Privacidade na Internet. O crescimento do uso de Tecnologias da Informação e Comunicação tem gerado desafios para os direitos fundamentais dos cidadãos, quais sejam: o direito à privacidade, à liberdade de expressão e a liberdade de associação. O grande volume de informações pessoais que são publicadas na Internet diariamente colocam em risco tais direitos. Garantir a privacidade na Internet não depende exclusivamente de tecnologias de proteção, mas principalmente da conscientização dos usuários quanto à importância de entender os riscos a que estão se expondo e conhecer as consequências destes riscos. O objetivo desta pesquisa foi identificar o grau de preocupação com a privacidade dos usuários de Internet do Brasil, relacionado com a Coleta de Dados, Uso Secundário, Erros, Acesso Indevido, Controle sobre as Informações, Consciência, Confiança e Risco, bem como identificar quais as informações os usuários percebem como mais sensíveis quanto à privacidade.A presente pesquisa está embasada teoricamente em estudos sobre Privacidade na Internet, Preocupação com a Privacidade e Comportamento do Usuário, que mostram o a evolução do construto Preocupação com a Privacidade, bem como indicam como os usuários lidam com sua privacidade. O instrumento de coleta de dados utilizado nesta pesquisa teve origem no estudo de Smith et al. (1996), sendo aprimorando por diversos estudos, até a versão final de Hong e Thong (2013). Foi realizada uma pesquisa de natureza exploratória descritiva com o objetivo de identificar opiniões que estão manifestas na população objeto deste estudo, que são os usuários de Internet no Brasil que, segundo pesquisa do IBGE (2013), totalizavam 77,7 milhões de usuários. Foram coletados dados nas cinco regiões do país, totalizando 1. 104 questionários completos. Os resultados indicam um alto grau de preocupação com a privacidade dos usuários de Internet do Brasil, principalmente nas regiões Sul e Sudeste, que apresentaram os maiores índices de preocupação. Entre as informações apontadas como mais sensíveis estão, em ordem de maior preocupação, senhas, número de cartão de crédito, número de conta corrente e agência, saldo bancário, gastos com cartão de crédito e limite de cheque especial. Entre as informações menos sensíveis estão orientação sexual, vícios, escola onde estudou ou estuda, data de nascimento e notas escolares.
URI: http://hdl.handle.net/10923/7239
Appears in Collections:Dissertação e Tese

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
000468737-Texto+Completo-0.pdfTexto Completo2,72 MBAdobe PDFOpen
View


All Items in PUCRS Repository are protected by copyright, with all rights reserved, and are licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License. Read more.